A paróquia Maria Auxiliadora promoveu um mês de conscientização sobre o dízimo

A Pastoral do Dízimo da Paróquia Maria Auxiliadora, na Arniqueira – DF, no mês de junho, dedicado a conscientização do Dízimo, se propôs a refletir sobre as dimensões do dízimo, a partir do Documento 106 da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil, CNBB, sendo as Dimensões: Religiosa, Eclesial, Caritativa e Missionária. Foi adquirido e acolhido na paróquia a Imagem de Nossa Senhora do Dízimo.

A Pastoral apresentou textos explicativos, dinâmicas durante as missas encenando realidades sobre a prática da Caridade, do amor a Igreja e a vivência da Missão pela Evangelização. “Montamos um Plantão extra na entrada da Igreja e fizemos várias abordagens com os paroquianos, explicando o que é o Dízimo e falando de alguns testemunhos de experiência vividos pelos membros da pastoral,” explica a coordenação da pastoral do Dízimo. Para ilustrar, a pastoral montou um Mural com textos Bíblicos e frases relacionadas ao Dízimo.

 

 

Sua história nasceu em Maputo, capital de Moçambique no ano de 2009, em conversa com Padre Rômulo e Padre José Geraldo falavam sobre a dura realidade de um povo que sobrevive com 70 dólares mensais e sobre Maria Santíssima que administrava, como dona de casa, o orçamento de José, carpinteiro. Ao final da conversa, espontaneamente Padre Rômulo disse: “Nossa Senhora do Dízimo, rogai por nós!”, tendo em suas mãos a imagem de Nossa Senhora. A imagem foi doada ao missionário Fonseca que a trouxe ao Brasil, tendo acompanhado-o em todas as missões no Brasil. No dia 18 de Fevereiro de 2011, em audiência com Dom Fernando A. Figueiredo, bispo da diocese de Santo Amaro (SP), Fonseca recebeu a aprovação eclesiástica para divulgar Nossa Senhora sob o título de “Nossa Senhora do Dízimo”. Na mesma ocasião, Dom Fernando aprovou, também, a oração a Nossa Senhora do Dízimo. Então, a partir desta data, os devotos de Nossa Senhora podem também invocá-la sob esse título, de forma especial os dizimistas e os agentes que trabalham na Pastoral do Dízimo.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.