Começa hoje (23/9), o novenário à padroeira na paróquia Santa Terezinha em Taguatinga e no Cruzeiro

Santa Teresinha, a Missionária do Amor

Teresa de Lisieux, freira da Ordem das Carmelitas Descalços. Seu nome era Marie-Françoise-Thérèse Martin, e ficou conhecida como Santa Teresinha do Menino Jesus.
Viveu apenas 24 anos, mas deixou um legado imensurável para a Igreja e a fé Católica.
É hoje um dos mais influentes modelos de santidade para católicos e religiosos em geral sendo, junto com São Francisco de Assis, é uma das santas mais populares da história da Igreja.

“Teresa recebeu cedo seu chamado para a vida religiosa e, depois de superar inúmeros obstáculos, conseguiu, em 1888, com apenas quinze anos, tornar-se freira para juntar-se às suas duas irmãs mais velhas na comunidade carmelita enclausurada em Lisieux, na Normandia. Depois de nove anos, tendo ocupado funções como sacristã e assistente da mestra das noviças, Teresa passou seus últimos dezoito meses numa “noite de fé” e morreu de tuberculose com apenas vinte e quatro anos de idade”.

A História de uma Alma, seus escritos autobiográficos publicados e distribuídos pouco após sua morte teve grande repercussão e popularidade. Foi beatificada pelo papa Pio XI em 1923 e canonizada  dois anos depois. Foi declarada co-padroeira das missões com São Francisco Xavier. Em 19 de outubro de 1997, São João Paulo II proclamou Santa Teresinha a trigésima-terceira Doutora da Igreja, a mais jovem e a terceira mulher a ter recebido o título na época,

No livro A História de uma Alma, manuscritos de Santa Teresinha, cartas e relatos de sua Pequena Via, podemos encontrar pérolas como as que cito aqui abaixo, uma verdadeira dedicatória de amor, entrega e ardor missionário!

“…Ah! apesar da minha pequenez, queria iluminar as almas como os profetas, os doutores. Tenho a vocação de apóstolo… Gostaria de correr à terra, propagar teu nome e fincar tua Cruz gloriosa no solo infiel. Ó meu amor, uma missão só não seria suficiente. Gostaria também de pregar o Evangelho nas cinco partes do mundo, até nas mais longínquas ilhas… Queria ser missionária, não só durante alguns anos, mas gostaria que fosse desde a criação do mundo e até o final dos séculos”…

“…Então, delirante de alegria, exclamei: Ó Jesus, meu amor, encontrei afinal minha vocação: minha vocação é o amor. Sim, encontrei meu lugar na Igreja, tu me deste este lugar, meu Deus. No coração da Igreja, minha mãe, eu serei o amor e desse modo serei tudo, e meu desejo se realizará”.

Santa Teresinha do Menino Jesus, da Pequena Via, a Santa das Rosas, do Amor e da Sagrada Face! Seu dia é celebrado em Primeiro de outubro. Normalmente nas paróquias em que é Padroeira reza-se a Novena, nove dias em agradecimento e também pedindo bênçãos. Chuvas de bênçãos. Há também a devoção das rosas de Santa Teresinha. Na Festa Solene dá-se a bênção das rosas, e quantos testemunhos de graças alcançadas atrás da Oração da Novena das Rosas!

Na paróquia Santa Teresinha, em Taguatinga Norte, começa dia 23 agora, às 19h o novenário com  a Oração do Terço em seguida a Missa e para cada dia uma benção especial. Encerramento 1 de outubro com a Festa Solene, benção das famílias e das rosas.

Devido à limitação por conta da pandemia, a novena será, também, transmitida pelo canal da paróquia no YouTube.  (Pascom Santa Teresinha Taguatinga)

Link do YouTube, clique aqui. 

 

 

Já no Cruzeiro, a paroquia que leva o nome da padroeira inicia hoje(23/9) a novena em preparação a festa de Santa Terezinha, às 19h e será transmitida pelo canal do YouTube da paróquia.

Link, clique aqui.

 

 

2020-09-23T10:40:38-03:0023/09/2020|