Conversão de São Paulo

Hoje a Igreja celebra a conversão de São Paulo, porque a Igreja celebra a conversão desse Santo e não dos outros, percebemos que a conversão de Paulo mudou o rumo da história do cristianismo, Paulo apóstolo dos gentios, levou o evangelho para os pagãos e inaugurou um novo momento na História da Igreja.

O que aconteceu com esse homem? De perseguidor a seguidor de Cristo, na história da salvação percebemos que a intervenção de Deus é sempre marcante, mas na vida de Paulo foi um divisor de águas.

Há Festa foi estabelecida dia 25 de janeiro, alguns estudiosos afirmam que começou quando houve a transladação do corpo, que atualmente repousa na Basílica de São Paulo Fora dos Muros, em Roma.

A história está no livro do At 9,3-5, Paulo planeja uma perseguição na cidade de damasco, em um momento de fúria e movido por aquilo que ele chamava de zelo pela Lei, Paulo teve o primeiro encontro com Cristo, e temos umas das mais famosas frases de Jesus na escritura: “Saulo, Saulo, porque me persegues?” após isso o Apóstolo abre o coração e ao ficar sem a visão, começa ver Cristo não com os sentidos externos, mas com os internos, alma desse homem é iluminada a tal ponto que ele, inicia o caminho de mudança.

O encontro com Cristo muda a nossa existência, a comemorar a festa da conversão de Paulo é entender que conhecer a Cristo transforma a vida a tal ponto de esquecer a vida dela e viver inteiramente para Cristo.

Que a Luz de Cristo, possa iluminar e que a conversão de Paulo ajude todos os cristãos e ter uma mudança de vida, que a frase de Paulo nos incentive a amar mais a Cristo, “Não sou eu que vivo, mas é Cristo que vive em mim”.