Missa de sétimo dia do diácono permanente José Paulo Pati.

Missa de 7º dia do Diácono permanente Paulo Pati, será celebrada no dia 15 de junho, segunda-feira, às 19h00 na paróquia Nossa Senhora da Esperança, 307/308 – Asa Norte,.

 

O Diácono permanente Paulo Pati faleceu na tarde desta terça-feira, 9 de junho, em casa, decorrente de um infarto.

O velório aconteceu no Cemitério Campo da Esperança, Brasília, dia 10 de junho, a partir das 13h30, a exéquias de corpo presente às 14h30, presidida pelo Pe. Geraldo Cardoso de Oliveira e o sepultamento ocorreu às 15h30.

O Diácono tinha 81 anos, nasceu em 18 de setembro de 1938, na capital paulistana.

 

Biografia

José Paulo Pati, casado Marlene Borges Pati, filha Daniela Pati, genro Deny Silva e netos Giovanna Pati, Raphael Pati e Carolinne Pati.

Formou-se em Medicina Veterinária, Direito e Magistério. Cursou Teologia no Instituto Boaventura (Paróquia São Francisco de Assis em Brasília).

Ingressou na Escola Diaconal São Lourenço, em 2005, e foi ordenado diácono em 19 de dezembro de 2009, no Santuário Dom Bosco, por Dom João Braz de Aviz – Arcebispo Metropolitano de Brasília. No mesmo dia foi nomeado diácono permanente da Paróquia Nossa Senhora da Esperança.

 

“Certamente há festa nos céus; por aqui, ficamos com muitas saudades, enquanto não nos encontramos no banquete eterno com o Bom Pastor”.

Que Deus, Pai de Misericórdia, acolha-o. Diácono permanente José Paulo Pati, de braços abertos, na morada eterna!

2020-06-15T13:39:34-03:0012/06/2020|