Movimento Segue-me comemora 43 anos em Brasília

Jovens participaram de uma Missa comemorativa na Catedral, presidida pelo arcebispo Dom Paulo Cezar

 

O último domingo do mês de março, dia 27, foi de alegria e comemoração para os jovens do Segue-me. Reunidos na Catedral Metropolitana de Brasília, mais de 500 pessoas vestiram suas camisas do movimento e agradeceram por mais um ano desse grupo que alcança várias regiões da cidade, levando Cristo aos jovens e famílias.

Foto: Segue-me Brasília

Presidida pelo arcebispo Dom Paulo César, a missa também celebrou a volta das atividades presenciais, no primeiro grande evento em 2022. O arcebispo falou durante a homilia, da importância desse momento na vida dos que estavam presentes, pois é tempo de sair novamente de suas casas para evangelizar. Refletindo sobre o evangelho do filho pródigo, ele lembrou as palavras de Jesus, que contam sobre o filho que retorna a casa do pai e é recebido de braços abertos. “Assim também é a Igreja de Cristo, que aguarda seus filhos, sempre pronta para os receber”, falou.

 

Na missa também estavam presentes o pároco da Catedral, Padre Paulo Renato e o dirigente espiritual do Segue-me, Padre Manolo. O pároco exortou as palavras “fé, confiança e esperança em Deus”, animando os jovens nesse novo ano de movimento.

43 anos do Segue-me

Ao final da missa, todos se juntaram para a foto oficial e a alegria estava estampada no rosto de cada um. “Participar presencialmente é muito bom, pois o Segue-me é feito disso, de abraço, de estarmos juntos. Passar esses 2 anos afastados foi muito difícil, então essa missa de hoje é marcada com muita alegria e esperança desse retorno”, disse tio Luís que trabalha no movimento junto com sua esposa, tia Dani, na Paróquia São Paulo Apóstolo, Guará 1.

 

Com informações e fotos do núcleo de Comunicação do Movimento Segue-me