ORDENAÇÃO DIACONAL DO FREI GERALDO

Neste domingo (07/03) o Itapoã, cidade satélite situado a 23Km do centro de Brasília, amanheceu em festa e ansiosa por dois acontecimentos muito importante para a comunidade católica da região: a visita tão esperada do Arcebispo de Brasília, Dom Paulo Cezar da Costa e a ordenação diaconal do Frei Geraldo (nome adotado para a vida religiosa).

A Celebração de Ordenação iniciou-se as 10hs.  Presidida pelo Arcebispo de Brasilia, Dom Paulo Cezar e concelebrada pelo Pároco da Paróquia São Luis Orione, Pe. Paulo Cesar Magalhães e pelo Provincial da Congregação Orionita, Pe. Josumar.

Devido à pandemia, a cerimônia foi restrita. Estavam presentes membros do Conselho Presbiteral Orionita, alguns Clérigos próximos ao Frei, a presidente da CRB Irmã Maria Inês Ribeiro, noviços do Seminário de Dom Orione, as irmãs Capuchinhos que auxiliam a Paróquia São Luis Orione,  alguns amigos e parentes; a comunidade acompanhou a Ordenação pelo You Tube da Paróquia.

Dom Paulo, em sua homilia, fala da liberdade do povo, para que possa ter uma relação de liberdade com Deus, com os irmãos e nos diz que: “Jesus é o verdadeiro templo”, nos falou também que: “a Igreja não existe por si mesma, ela casa de uma comunidade, uma comunidade que crê em Jesus”.

Ao final de sua homilia, o arcebispo dirigi a sua palavra ao Frei Geraldo dizendo “que o seu serviço diaconal está alicerçado em três pilares: 1° – PALAVRA; 2° – LITURGIA (ALTAR) e 3° – CARIDADE.”

Dando sequência no rito de ordenação, Frei Geraldo é interrogado por Dom Paulo para entrar na Ordem do Diaconato. Após o interrogatório, o eleito deita diante do altar enquanto Pe. Josumar (Provincial Orionita) canta da ladainha dos Santos.

Na sequência, Dom Paulo faz a imposição das mãos, conferindo o Diaconato à Rogelino, consagrando-o com os sete dons do Espírito.

Frei Geraldo recebe dos amigos as vestes diaconais, a qual é colocada pelo Pe. Erli Lopes, na sequência recebe o Livro dos Evangelhos das mãos de Dom Paulo e o abraço da paz, também recebeu o abraço do provincial, após a oração do Creio, prepara o altar para a consagração do Corpo de Cristo.

Finalizando a Ordenação emocionado,  Frei  Geraldo agradece à Dom Paulo, a seus confrades, amigos, comunidade.

Após a Consagração à Nossa Senhora, Dom Paulo dá a sua benção ao Ordenado e aos fiéis.

Da esquerda para direita: Frei Geraldo; Dom Paulo Cezar; Pe. Josumar (provincial Orionita e Pe. Paulo (pároco da Paróq. São Luís Orione)

AVE MARIA E AVANTE!

 

Vamos conhecer um pouquinho quem é essa pessoa carismática que veio morar e trabalhar em Itapoã desde o início do ano de 2020 e hoje é ordenado à Diácono na Congregação Orionita:

Seu nome de batismo é ROGELINO OLIVEIRA QUIRINO. Nasceu em Belo Horizonte, no dia 30 de dezembro de 1972, é filho de José Donato Quirino, e de Terezinha de Paula Celso Quirino, chamada à casa do Pai no ano de 2013.

Frei Geraldo ingressou na Congregação da Pequena Obra da
Divina Providência no dia 02/02/1990, na cidade de Belo Horizonte, onde cursou o ensino médio. Fez o noviciado, ou seja, o tempo de preparação para receber os primeiros votos na cidade de Juiz de Fora – MG em 1993 e no dia 12 de janeiro de 1994 emitiu os primeiros votos de Pobreza, Castidade e Obediência, tornando-se um filho de Dom Orione. Durante os anos de 1994 e 1995 foi enviado para a cidade de Morada Nova de Minas, em Minas Gerais, onde prestou seus serviços no Lar dos Meninos Dom Orione, na Fazenda Campo Alegre.

Com um forte desejo de abraçar a vida contemplativa, retirado do mundo, na oração e no trabalho manual, Frei Geraldo solicitou aos superiores da Congregação realizar uma experiência entre os Eremitas Orionitas na Itália, experiência que durou 7 anos e que o impulsionou, para, finalmente, no dia 21 de janeiro de 2003, iniciar um novo Eremitério Orionita no Brasil, na cidade de Valença, interior do Estado do Rio de Janeiro.

Passados os 17 anos de sua permanência no Eremitério, solicitou aos superiores da Congregação de abraçar o ministério ordenado, tendo o seu pedido acolhido. Foi designado para a Paróquia São Luís Orione em Itapoã para prestar seus serviços pastorais e atuar na administração da Associação Sociocultural São Luís Orione, conhecida como Asloi.

 

 

PASCOM PARÓQUIA SÃO LUÍS

TEXTO: ALESSANDRA GOMES

FOTOS: VIÍCIUS EUDES

 

2021-03-08T11:21:04-03:0008/03/2021|