São Miguel Arcanjo

Fundação: 22/02/2002

Pároco: Pe Fernando Gonçalves Silva

Endereço: QN 07 AE 12, Riacho Fundo I, 71.805-740

Telefone: 3399-5175

Site: https://www.paroquiasaomiguel.com

E-mail: secretaria@paroquiasaomiguel.com

História

A Paróquia São Miguel Arcanjo foi instalada solenemente por Dom Jesus Rocha (in memorian), Bispo auxiliar de Brasília, no dia 10 de março de 2002. O Decreto nº 02/2002 do Cardeal Dom José Freire Falcão, então Arcebispo de Brasília, ordenara seu desmembramento da Paróquia São Domingos Sávio, compreendendo o território urbano relativo às quadras QN 7, QN 9, AC 4, QS 6, QS 8, QS 10 E QS 12. Nomeado primeiro pároco, Pe. Delson Zacarias dos Santos tomou posse na mesma celebração.

O nascimento desta comunidade paroquial tem origem nas mais tradicionais bases católicas que compõe a identidade do povo brasileiro, sobretudo aqueles que migraram para Brasília, a nova capital do País, sede desta Arquidiocese. Depois, naturalmente, com o desenvolvimento da pastoral que originou a instalação da Paróquia São Domingos Sávio (31/05/1993), puderam os católicos da nova área urbana do Distrito Federal, o Riacho Fundo I, construir presença cada vez mais eficaz e portadora da mensagem cristã.

Há que se evidenciar a feliz memória do Pe. José das Dores Gonçalves, primeiro Pároco do Riacho Fundo, dedicado sacerdote que se esmerou na transmissão da fé católica. Profundo devoto de São Miguel Arcanjo, de sua escolha a nascente capela paroquial viria a encontrar o título patronal.

Desde sua ereção, esta comunidade paroquial dedica-se a viver devotamente a fé católica ao testemunhar Jesus Cristo presente na sociedade do Riacho Fundo I, cuidando de permear as ocupações mais humanas dando-lhes o tom sobrenatural que as pessoas simples, mas cheias de fé, são capazes de promover quando unidas ao amor fundamental à Trindade Santa, à Virgem Maria e o glorioso padroeiro São Miguel Arcanjo.

Notabilizando-se por seu acolhimento e dinamismo, pela ação de diversas pastorais e movimentos, a comunidade paroquial sediada na QN 7 pretende ser casa de comunhão e partilha, lugar de celebração da Eucaristia como fonte e ápice da alegria que é anunciada pela Santa Igreja Católica desde que Nosso Senhor o ordenou: “Fazei isto em memória de Mim.”(Lc 22, 19).

Neste sentido, a história que se iniciou com a fé dos mais singelos e dedicados fiéis em comunhão com seus pastores não cessa de atuar na concretude da vida. Todas as vezes que se reune para os Sacramentos e ações pastorais, a comunidade se alimenta da presença do Ressuscitado e se torna – ainda que consciente dos limites da humanidade pecadora – instrumento de efusão das graças divinas para a salvação das almas e felicidade última dos homens.

Esta é uma comunidade sempre aberta aos homens e mulheres que se percebem necessitados dos remédios divinos que são administrados pela Igreja de Cristo, é portadora da esperança e da caridade fraterna que se vivencia com o assentimento da Verdade Evangélica e a celebração da Misericórdia – é como aquele Pai da parábola do filho pródigo, sempre esperando a quem desejar colocar-se sob os cuidados de um amor mais profundo.